Horas em Ponto
Gestão,  Ponto online

Horas em Ponto: A importância do controle de ponto em diferentes situações

O controle de ponto dentro de uma empresa é uma necessidade fundamental para que se estabeleça uma relação clara e direta com os funcionários. Pois além de atender a legislação, a empresa que capta essas informações dá ao colaborador a segurança que direitos e deveres serão cumpridos.

O controle de ponto acessível

O uso do controle de ponto era visto como algo acessível para apenas grandes empresas. Parte disso é responsabilidade do custo alto do sistema, equipamentos e manutenção da empresa específica para este fim. Porém, com o advento da tecnologia, essa realidade mudou bastante nos últimos anos.

Antes de entender sobre esta transformação, vale lembrar que a legislação trabalhista define diversos pontos em relação ao controle de ponto. Uma empresa com mais de 10 empregados precisa ter obrigatoriamente uma forma de controle, seja manual, mecânica ou até digital. No entanto, o controle de ponto é essencial para todo empregador independente da obrigatoriedade, quantidade de funcionários ou forma de controle. Qual é a sua hoje?

As disposições que tratam sobre o controle de ponto

Ter um controle de ponto dentro da empresa traz várias vantagens para toda a organização e os envolvidos. É a partir do controle de ponto que se pode estabelecer, por exemplo, questões como horas extras, com base sempre nas convenções coletivas ou acordos sindicais da categoria, seguindo a lei de cada segmento.

Com a tecnologia, o controle de ponto trouxe mais eficiência no processo como um todo, como o cruzamento de dados em tempo recorde, bem como também a diminuição dos custos de instalação, manutenção e equipamentos de registro de ponto. Em outra ocasião citamos as diferenças de investimentos e como uma empresa pequena pode ter hoje um controle de ponto eficiente e a baixo custo.

Os benefícios do controle de ponto

O controle de ponto permite que funcionários e gestores estabeleçam o cumprimento das horas pagas. Ou seja, se há hora extras e elas são registradas, o pagamento será feito fielmente ao que foi feito, sejam elas pagas com banco de horas ou em dinheiro. O importante é ter os registros.

Em questão de horário, vale lembrar que é o empregador que tem que provar se o funcionário cumpre ou não o horário estabelecido em contrato, se tem ou não horas extras realizadas.

As horas trabalhadas e outros cálculos

Outro detalhe que faz toda a diferença é o cálculo das horas trabalhadas. Este cálculo inclui também faltas, atrasos e saídas antecipadas. Além deles, com base nas horas, também entra nas contas detalhes como horas extras, conforme citamos acima, horas noturnas, horas de descanso semanal, horas extras intrajornadas e interjornada.

Esse mapeamento de horas é muito mais além do que simples controle de ponto, considerando apenas entrada e saída dos funcionários. Numa empresa grande ou pequena, esse cálculo de horas pode revelar dados importantes, trazer problemas ou até soluções para setores dentro de uma organização.

As vantagens do controle de ponto vão além da redução do risco de processo trabalhista. Esse registro e cruzamento de dados garante mais produtividade, auxilia não só todos os setores e equipes, agiliza também o trabalho do departamento pessoal. Os processos internos se tornam mais rápido, sem contar a redução de custos e até da própria burocracia.

É pensando nisso tudo que a Ponto Now oferece um sistema totalmente inovador, onde até funcionários externos podem registrar o ponto com toda a segurança. Além disso, as informações são armazenadas e protegidas, acessíveis para o empregador online e em tempo real.

Conheça mais sobre a Ponto Now e confira também nossos planos. O controle de ponto ficou mais acessível.

 

Pin It on Pinterest